Cotidiano

Como o voluntariado pode transformar seu intercâmbio na Irlanda

15/09/2016

Tweet Linkedin Google+

Interagir com a comunidade irlandesa, explorar aspectos sociais, econômicos e culturais do país, praticar o idioma com nativos e se aproximar de pessoas completamente desconhecidas são apenas algumas das oportunidades proporcionadas por um trabalho voluntário na Irlanda. Existem dezenas de organizações não governamentais (ONG) com propósitos de atender diferentes necessidades dos moradores. No ano passado, só o Dublin City Volunteer Centre, agência nacional que agrega mais de 20 centros de voluntariado, reuniu 14.400 pessoas em ações pela capital. A prática é bem vista pelas empresas, muitas oferecem até dias de folga no trabalho para funcionários que fazem voluntariado. Para intercambistas, o trabalho transforma a experiência internacional de diferentes formas.

As organizações na Irlanda tem como foco qualquer ação capaz de ajudar alguém em situação de vulnerabilidade - e isso não exige dinheiro, apenas disposição. Portanto, por mais que o idioma ainda seja um desafio para os recém-chegados à Irlanda, um voluntário pode começar participando de grupos que reformam casas de pessoas de baixa renda, limpam jardins de idosos, cozinham para pais de crianças internadas nos hospitais e assim por diante. Existem ainda oportunidades para ajudar instituições voltadas para áreas da saúde e bem-estar, esporte, sem falar nos brechós e promoções de eventos em geral. A demanda por pessoas com habilidades específicas, como tecnologias e artes, também aumentou. Seja qual for o trabalho, o voluntário tem a oportunidade de ampliar sua rede de contatos, melhorar suas habilidades com o idioma ou em áreas de maior interesse e ainda deixar o currículo mais interessante para os recrutadores na Irlanda e no Brasil.

Quem tiver interesse em ser um voluntário durante o intercâmbio, pode fazer o registro online através das oportunidades apresentadas aqui ou entrar diretamente em contato com uma instituição escolhida. Em função de novas regulamentações do Governo, existem algumas restrições para trabalho voluntário de estrangeiros que pretendem ficar menos de seis meses no país - o que não se aplica para estudantes de inglês com visto de oito meses ou universitários com visto de um ano. As organizações estão preparadas para orientar interessados. O tempo dedicado ao voluntariado depende da agenda de cada um e das descrições das vagas disponíveis – algumas exigem uma carga horária diária, outras semanais, mensais ou apenas para ocasiões de eventos.

Atualmente, existem escolas de idioma na Irlanda trabalhando em parceria com ONGs locais, informe-se com sua instituição de ensino para saber sobre oportunidades. No país, muitas ONGs fazem questão de trabalhar com estrangeiros. Existem inclusive programas específicos para voluntariado no intercâmbio. Mais informações, confira as páginas na Internet da organização VIP e do Service Civil International.

 

Por Marciéli Palhano.